Hangaku Gozen


Da série Bravos Guerreiros de Yoshitoshi, somos apresentados a Hangaku Gozen 坂額御前 (1172-?), uma das poucas onna bugeisha 女武芸者, artistas marciais femininas, comumente mencionadas na história e na literatura clássica japonesa. De origem nobre, tais mulheres eram incorporadas aos exércitos em tempos de necessidade. Mais tarde, durante o período feudal, utilizavam o conhecimento bélico adquirido para defender suas residências, famílias e honra.


Dizia-se serem impressionantes as habilidade de Hangaku Gozen nas bujutsu 武術, artes marciais, ao ponto de ser aclamada por sua disciplina, bravura e técnica refinada no manejo do arco e flecha. Em certa ocasião, contudo, o samurai Fujisawa Shiro Kiyochika 藤沢の四郎清親 fez Hangaku experimentar do próprio veneno ao alvejá-la em ambas as pernas. Incapaz de permanecer em pé, a jovem foi capturada pelas tropas do general Sazaki Moritsuna 佐々木盛綱 (1151-?) e conduzida à presença do xógum 将軍 Minamoto Yoriie 源頼家 (1182-1204), que demonstrou imensa surpresa ao ser apresentado a uma mulher que, além de derramar sangue nos campos de batalha, liderava tropas formadas por samurais homens.

Por fim, um comandante de nome Yoshito se afeiçoou por Hangaku Gozen e, sob a justificativa de gerar descendentes geneticamente preparados para o combate, solicitou ao generalíssimo permissão para tomá-la por esposa. Minamoto Yoriie abençoou a união e, em questão de meses, o novo casal foi formado.


Título: Hangakujo 阪額女

Série: Yoshitoshi musha burui 芳年武者无類 (1885)

Artista: Tsukioka Yoshitoshi 月岡芳年 (1839-1892)


postagem em parceria com @pictures_of_the_floating_world

5 visualizações

Posts recentes

Ver tudo