top of page

Budzilla


Localizado nas cercanias do templo Kotoku 高徳院, o Grande Buda de Kamakura 鎌倉大仏 é uma imponente estátua de bronze de Amida Buda 阿弥陀 com 13 metros e uns quebrados de altura, o que lhe garante o posto de segunda maior estátua do Iluminado no Japão, bastante atrás do Grande Buda de Ushiku 牛久大仏, na prefeitura de Ibaraki 茨城県, com 120 metros.


Sidarta nasceu na Índia, em território hoje nepalês, por volta de 563 a.C. Até os 29 anos, teve uma vida mansa de príncipe, em contraste com o restante da população, que vendia o almoço para garantir a janta. Mimado e protegido, Sidarta ignorava as desgraças da existência.

Contudo, na idade em questão, aconteceu do príncipe perambular pelas ruas da cidade. Em contraste com a beleza que o cercava, a realidade o deixou perplexo. Miséria, velhice, doença e morte. O choque foi tamanho que Sidarta raspou a cabeça em sinal de humildade e trocou a prepotente seda pelo despretensioso traje amarelo dos monges, afastando-se do palácio para se jogar no mundão em busca da resposta para a pergunta: o que é a vida?

Sidarta costumava meditar à sombra de uma grande figueira, ocasião em que se deparou com o demônio das paixões Mara, que o fustigou com granizos e relâmpagos, oferecendo-lhe tesouros e benefícios infindos caso se demovesse do seu propósito. Após quarenta e nove dias, um derrotado Mara se conforma e desaparece.

O despertar.


Imagem: Kamakura daibutsu 鎌倉大仏 (1930)

Artista: Kawase Hasui 川瀬巴水 (1883-1957)


postagem em parceria com @pictures_of_the_floating_world

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Adeus

Comments


bottom of page