A hora do rato: meia-noite às 2h

Atualizado: 13 de set. de 2021


Passa da meia-noite e a garota de programa se prepara para encontrar o cliente, que a aguarda no aposento ao lado. Parcialmente vestida, a jovem observa a serviçal enquanto esta dobra seu quimono. Caso não tenha se afeiçoado pelo cliente, este é o momento para prolongar ao máximo a conversa, de modo a postergar o inevitável.

No século 18, os homens tendiam a visitar as prostitutas pela companhia e, caso a sorte sorrisse, para vivenciar um romance. Homens capazes de custear cortesãs de alto nível eram geralmente casados, e a maioria jamais experimentara o amor romântico. Por serem figuras de status financeiro, social ou político elevado, seus matrimônios se resumiam a arranjos de conveniência, de forma que ansiavam pelo estímulo decorrente de relacionamentos extraconjugais.


Título: A hora do rato / 子ノ刻, ne no koku

Série: 12 Horas nos Bordéis / 青楼十二時続, Seiro junitoki tsuzuki (c. 1794)

Kitagawa Utamaro 喜多川歌麿 (c. 1753-1806)


18 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

A ostra